REO | Renda Extra Online

-1x-1Quando o assunto é dinheiro qualquer ser em sã consciência entende que é melhor sobrar do que faltar. Na verdade, na prática essa história vai bem mais além. Dinheiro: quanto mais, melhor!

O que muita gente as vezes não sabe é que dinheiro não é simplesmente um papel que pode ser trocado por mercadorias; guardado em um banco ou embaixo de um travesseiro.  Seu dinheiro na verdade representa o seu poder de compra naquele momento.  E o valor deste pode diminuir com o tempo, se o preço das coisas aumentarem. Investimentos mais seguros podem ser considerados Imóveis, apartamentos a preços baixos como o Residencial Olímpico Méier é um bom exemplo.

E é aí que entra o herói da história. O encarregado de preservar seu poder de comprar quando este dinheiro não é usado naquele momento. É claro que estamos falando dos juros. Essa palavra infelizmente é associada pela maioria das pessoas como algo ruim.

Talvez pela falta de informação e por ser mais comum se deparar com a palavra quando vamos comprar alguma coisa. E para atrair a atenção do cliente a loja destaca o produto vendido com ausência de juros. Na prática geralmente tal ausência de juros não é verdadeira(veja).

Charging_Bull_statueJUROS

Juros é uma espécie de aluguel do dinheiro. Quando você contrai uma dívida, a entidade que lhe emprestou o dinheiro, além da quantidade emprestada  cobra o alguel por ela não ter usado aquele dinheiro naquele momento. E esse aluguel são os juros.

Por isso em TODAS as compras à vista não são cobrados os juros, visto que toda importância que você devia já foi acertada naquele momento. Tal situação é comumente usada pelas lojas como DESCONTO na compra à vista.

Portanto, quando você realiza algum investimento. Você, na verdade, está emprestando o seu dinheiro para alguém. E esta pessoa que tomou empréstimo deverá pagar a quantia tomada mais o aluguel do seu dinheiro. E esses juros podem ser baseados em diversos fatores.

Um exemplo são os juros que acompanham a inflação. Se você empresta uma importância, naquela época você era capaz de comprar determinados produtos. No momento do pagamento aquela quantia deve ser capaz de  pelo menos comprar aqueles mesmos produtos.

A palavra “debênture” é constantemente usada quando o assunto é investimento. Mas você sabe o quê significa? Dedicamos esse post a esclarecer o seu significado.

Debêndures, em suma, é quando você empresta dinheiro a grandes empresas. Supreso? Pois é, debêntures são títulos emitidos por empresas não financeiras, de capital aberto, que servem para gerar recursos. Na verdade é uma alternativa que a empresa possui para não ter que ir à uma agência bancária conseguir dinheiro para financiar seus projetos. Então quando você adquire uma debênture, você passa a ser credor daquela empresa.

O que viabiliza as debentures?

wall_streetA resposta é simples. Os juros!  Tais juros podem ser pré-fixados ou pós fixados. No Brasil é mais comum a adoção de juros pós-fixados, indexados ao CDI. É preciso está atento às taxas de juros equivalentes quando opta por comprar uma debênture.

Por exemplo:  suponhamos que o valor de uma debênture é 1000 reais. Vendida à uma taxa de juros de 12% ao ano ou 1% ao mês. ao final de 2 meses essa mesma debenture valerá 1020 reais. Contudo alguns vendedores insistem em vendê-la a um preço maior. Tentando obter lucro em cima disso. Tal lucro é chamado de ágio. E se você compra por um valor maior, o seu ganho será menor que os 12% ao ano.

Debentures são mais recomendadas para o longo prazo e quando são adquiridas na data de sua emissão, para serem resgatadas na data de vencimento.

Tipos de debêntures e Debêntures simples

Basicamente, compramos o título e recebemos os juros. Podendo resgatá-las na data do vencimento ou revendê-las no mercado antes do vencimento.Debêntures conversíveis

Neste caso, no vencimento do título ela pode ser convertida em ações da empresa, sempre com base no acordo de emissão da debênture. Aqui pode haver um ganho no caso de as ações estarem mais valorizadas que o valor de compra inicial do título.Atenção ao comprar!Verifique sempre a facilidade de comprar ou revender(liquidez); o risco de crédito que é a possibilidade de a empresa não pagar a dívida e o risco de mercado – ágio ou deságio.

Nas debêntures há incidência de imposto de renda, e vale a dica, quanto mais tempo o dinheiro fica aplicado, menos você vai pagar de imposto. E se a debênture for convertida em ações, passa a valer a tributação desse mercado.

Detalhe: As debêntures podem ser negociadas na bolsa de valores. Por isso o primeiro passo para investir nesse tipo de produto é encontrar uma instiruição financeira autorizada, como por exemplo, o seu banco.

Como em um filme de Hollywood. Os “juros”, o grande herói. Pode se transformar no pior dos vilões. Vai depender se ele está contra ou a seu favor. Dessa forma, sempre que possível evite os juros contra você. Evite as dívidas. Faça com que os juros trabalhem para você e lhe ajudem a aumentar a sua renda.

Fontes:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *